28/12/2016

O jornalista Xico Sá tem provocado no Twitter os brasileiros que foram às ruas para defender o impeachment de Dilma Rousseff e com isso colocou no poder “os maiores corruptos da Odebrecht”.

As delações de 77 executivos da empreiteira implicam diretamente os ministros do atual governo e o próprio presidente, Michel Temer, acusado de receber R$ 10 milhões pedidos por ele a Marcelo Odebrecht em reunião no Palácio do Jaburu.

“Você foi pra rua contra a ‘vaca’ da Dilma, com seu machismo fdp e agora sabe que seus ídolos todos são os maiores corruptos na Odebrecht?”, alfinetou Xico Sá.

Ele também diz que o que moveu a farsa para tirar Dilma do poder foi o ódio de classe: “Não foi corrupção que levou essa gente pra rua, foi ódio de classe, empregada com carteira assinada etc”. “Todo Brasil do Bem tá na lista da Odebrecht, que gente escrota. A missão era só derrubar a Dilma, que covardes golpistas”, revolta-se o jornalista.

O grande personagem do ano: o tiozão reaça de moleton da padaria paulistana quq chamou Dilma de vaca e achava que viria depois o paraíso. O honesto da guerra seria q os paneleiros se juntassem a nós por um Brasil honesto, mas acontece que os paneleiros eram o Brasil corrupto”, diz.

Não há um único paneleiro que não esteja na lista da Odebrecht ou de outras corrupções. Vocês estavam nas ruas protestando contra vocês mesmos. Nem todo paneleiro é corrupto, mas todo corrupto é paneleiro”, completa.

Em tempo, o jornalista tem sua veia esquerdista, talvez isso justifique seu raciocínio, mas a verdade é uma só: A Esquerda nunca deu certo em lugar nenhum do nosso planeta, talvez em outra galáxia...ele se esquece que os atuais corruptos foram a base de Eleições do PT. inclusive a esquerda votou em massa neles para chegar ao Poder.

Fonte: blogdefranciscocastro
Post: G. Gomes
Canal: www.deljipa.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Os Mais Acessados