06/02/2017

O povo brasileiro que trabalha, paga impostos e sonha um dia se aposentar para ter uma velhice mais protegida, agora passa por um pesadelo com a  tão propagada Reforma da Previdência pelo Governo Temer.

No projeto da Reforma Previdenciária estima-se-se deixar de fora alguns segmentos da sociedade, ou seja,  que fiquem intocáveis.O mais revoltante de tudo isso é que as Polícias Civis do Brasil volta e meia são igualadas aos militares quando o assunto é fazer Greves. Nessa hora procuradores e Juízes acham leis que apontam para a ilegalidade de todas as greves dos policiais civis, mas na hora de conceder direitos e vantagens não se aplica nenhuma das mesmas Leis ou outras que venham conceder quaisquer benefícios à esta Força de Segurança.

O governo trabalha com o discurso que os culpados pelos rombos nas finanças da União, Estados e Municípios, são os servidores comuns, nunca aponta para os desvios de verbas do BNDS, Petrobrás, Previdência Social, Salários astronômicos de Juizes, Procuradores e políticos, por estas razões fica acusando e culpando os servidores que ganham baixos salários e que realmente fazem a diferença no dia a dia das populações.

O absurdo é tamanho que debruçam a fazer projetos onde mesmo as pessoas que já tem tempo para aposentar, correm o risco de trabalharem quase duas décadas a mais para então conseguir sua aposentadoria integral. Punição maldosa e criminosa!

A famigerada PEC 287/2016 está ai para ser votada e os políticos em momento algum estudam outras possibilidades para não penalizar ainda mais os servidores públicos brasileiros, sequer ventilam a possibilidade de resgatarem o dinheiro desviado pelos ladrões ou apoiam o MPF e Judiciário para buscarem esse dinheiro de volta, pois boa parte deles está citada nos Inquéritos onde investigam os rombos do erário.

No Estado do Espírito santo, a Polícia Militar se aquartelou e os criminosos tomaram de conta de tudo, agora só falta outros estados aderirem a essa situação, dai o Brasil vai mesmo virar o Caos total,se a moda pega, com certeza vamos ter que construir outra Nação.

Outro dia lendo a página pessoal do Governador de Rondônia, li o pequeno texto que ele publicou e que veio a se mostrar exatamente como eu penso a respeito dos Governantes que o Brasil tem no momento, eles conseguem decepcionar até aos seus aliados, melhor, seus correligionários.

Leia o texto do Governador Confúcio:

"Olha que fui Deputado e no meu tempo de parlamentar já existiam vários projetos em andamento no Congresso Nacional sobre reforma política. Pouca diferença um do outro. E até hoje, nada foi feito. Apenas, arranjos casuísticos para cada eleição. Uma pequena arrumação eleitoral. Nada sério. Nada profundo. E todo mundo sabe o que deve ser feito. Fácil, fácil. Acabar com coligações proporcionais, uma vergonha. 

Acabar com a farra de partidos de aluguel. Reduzir para apenas sete (7). Eleições mais baratas. Acabar com a figura do marqueteiro. E avançar ainda mais, como por exemplo, no gasto com o parlamento e no número de deputados e senadores. 

Acabar com a figura do suplente de senador. Vergonhoso. E mexe daqui e dali, cai no modelo de distrital ou distrital misto, voto de lista ou não. 
Veja bem, meu post de hoje é bem curto, porque o modelo político atual é o causador de toda esta desgraceira e promiscuidade entre política e empresariado. Os dois estão perdendo. E o modelo fede."

Governador Confúcio Moura

Capa:http://encurtador.com.br/cnyB5
Ilustração:http://encurtador.com.br/isP25
Link do Blog:http://blogdoconfucio.com.br/a-reforma-politica/
Post: G. Gomes
Canal: www.deljipa.blogspot.com.br

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Os Mais Acessados