12/07/2017


A polícia de Dallas, nos Estados Unidos, fechou um prostíbulo que contava com 15 "garotas de programa" entre os 48 e 73 anos de idade.

Segundo informações do Dia, o local era comandado por Connie Su Moser, de 64 anos, acusada por tráfico sexual.

Sob a aparência de casa de massagem, o bordel foi descoberto após investigadores da polícia se disfarçarem de clientes e receberem a oferta de sexo.

De acordo com a publicação, todas as mulheres eram de origem oriental. A pena pode chegar a cinco anos de prisão e multa de US$ 250 mil.

Via: Noticiaominuto
Post: G. Gomes
para: www.deljipa.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Os Mais Acessados