16/07/2017

O apresentador Bruno De Luca foi condenado a pagar uma indenização de R$ 15 mil após ter chamado um recepcionista do hotel "Majestic" de favelado, de acordo com informações da revista "Veja São Paulo". O episódio aconteceu em Florianópolis, Santa Catarina, em 2009, mas o processo só acabou agora.

De acordo com a publicação, o apresentador brigou com o funcionário do local, depois que o rapaz pediu que Bruno diminuísse o volume do som em seu quarto.

Testemunhas afirmam que o recepcionista foi chamado de "favelado", "pobre de merda" e "vagabundo", entre outros xingamentos, além de ter sido agredido fisicamente por uma amiga de Bruno, a atriz Lívia Lemos. Os dois estavam, ainda de acordo com testemunhas, aparentemente embriagados. 

O artista ainda pode, no entanto, recorrer da decisão.

Isso é Brasil !

Fonte: Veja
Via: Noticiaominuto
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Random Posts

Os Mais Acessados