22/07/2017

O aumento do PIS e Cofins anunciado nesta quinta-feira (20) pode levar a gasolina à maior alta nas bombas desde o início da série semanal de preços dos combustíveis da ANP (Agência Nacional do Petróleo), em 2004.

Já nesta sexta-feira (21), consumidores relataram aumento dos combustíveis nos postos do país.

De acordo com o Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes de São Paulo (Sincopetro), a gasolina comercializada veio R$ 0,4075 mais cara, praticamente o mesmo valor anunciado pelo governo (R$ 0,41).

Considerando o preço médio nacional verificado pela ANP na semana passada, com o repasse integral, segundo informações da Folha de S.Paulo, a gasolina subirá de R$ 3,485 para R$ 3,895 por litro, alta de 11,7%.

"Não me lembro de outra ocasião em que subiu tanto. Com certeza, vai ter reflexos nas vendas, porque o consumidor não tem mais de onde tirar dinheiro", comentou o presidente do Sincopetro, José Alberto Paiva Gouveia.

Já os preços praticados em toda região norte do Brasil, são sempre os maiores, em nada se compara com preços praticados nas regiões Sudeste, Sul e Nordeste.

Post: G. Gomes
Via: Noticiaominuto
Para: www.deljipa.blogspot.com.br






Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Os Mais Acessados