24/06/2017

Usar emojis em conversar online já se tornou algo habitual. No entanto, quando se trata do ambiente de trabalho, eles costumam passar longe. Mas, eles podem render um emprego! Ao menos foi o que aconteceu com Keith Broni, irlandês que conseguiu trabalho na empresa Today Translations em Londres como ‘tradutor de emojis’.

Segundo o Refinery29, quando a vaga para o cargo foi criada em dezembro, a empresa recebeu mais de 500 candidaturas.

Com mestrado em psicologia em negócios, foi a dissertação de Broni que provavelmente convenceu os recrutadores, já que a pesqusia se focava na forma como o comportamento dos consumidores pode influenciar a forma como se entendem emojis em conjunto com nomes de marcas.

Mas se você pensa que Broni passa o dia apenas olhando para emojis e que se trata de um trabalho fácil, está enganado. “As coisas mais difíceis que tive de traduzir são aquelas onde a intenção é que a mensagem seja altamente universal”, contou Broni, notando que o sentido de emojis pode variar de acordo com os territórios.

Informação: NaoM
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br

23/06/2017

A Polícia Federal realizou uma operação nas ruas da zona sul do Rio de Janeiro na manhã desta sexta-feira (23) para cumprir dois mandados de busca e apreensão. De acordo com o UOL, trata-se de uma operação complementar às investigações da Lava Jato.

Os agentes estavam em busca de joias de Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador Sérgio Cabral, que estariam desaparecidas. A PF tenta reaver 149 joias, de um total de 189, que teriam sido comprados como uma forma de lavar dinheiro oriundo de corrupção.

Segundo o G1, pelo menos 15 joias foram apreendidas em endereço ligados a mulher do ex-governador do Rio.

Os alvos foram um apartamento no Jardim Botânico, onde vive a ex-governanta de Adriana, Gilda Maria de Souza Vieira da Silva, e um prédio em Ipanema, onde mora Lucia Ancelmo Mansur, irmã da ex-primeira dama.

O apartamento da cunhada do ex-governador, em Ipanema, foi vasculhado pelos agentes da PF. Segundo as investigações, algumas joias apreendidas foram compradas por Adriana e teriam sido dadas de presente a uma sobrinha, filha de Nusia.

Redação: Nbo
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br

A internacionalização da Operação Lava Jato, iniciada em 2014 com a cooperação da Suíça nas investigações envolvendo o esquema de cartelização e propinas na Petrobrás, produziu um resultado impressionante: Genebra já determinou a quebra de sigilo de mais de mil contas bancárias e bloqueou mais de 1 bilhão de dólares.

As informações foram divulgadas pelo secretário de cooperação internacional da Procuradoria-Geral da República, Vladimir Aras, durante o Seminário Brasil-Japão de combate à corrupção, realizado em Brasília.

Como resultado da operação, R$ 756,9 milhões oriundos de diversos países foram objeto de repatriação ao Brasil.

Aras defendeu a eficácia dos acordos de cooperação internacional. “São instrumentos que compartilhamos para que outros países possam melhorar seus modelos anticorrupção, como nós aperfeiçoamos o nosso.”

O procurador destacou que o Ministério Público Federal já fechou 263 pedidos de cooperação internacional no âmbito da Lava Jato. Ao todo, foram realizados 174 pedidos de informações a 38 países, com o objetivo de subsidiar as investigações.

No mesmo sentido, o Brasil recebeu outros 89 pedidos de 28 países que apuram fatos relacionados ao caso.

A maioria dos pedidos dos investigadores brasileiros foi destinada a países europeus e se referem, na maior parte, a informações sobre dados bancários e repatriação de ativos.

Já os pedidos feitos por autoridades estrangeiras se referem, em sua maioria, à relação de empresas com a Petrobrás, provas ligadas à empreiteira Odebrecht e depoimentos de residentes no Brasil.

Ao todo, 32 depoimentos foram tomados pelo Ministério Público Federal em auxílio jurídico a países estrangeiros.

Segundo Aras, a ação coordenada com órgãos brasileiros e a cooperação com outros países ‘são pontos chaves para o êxito de investigações como a Lava Jato’.

Informações: Noticiaominuto
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br

A Polícia Civil do DF investiga denúncia de Violência Doméstica contra o ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) Admar Gonzaga Neto, 56 anos. A mulher dele, Elida Souza Matos, registrou boletim de ocorrência na 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul) na madrugada desta sexta-feira (23/6). 

Ela contou aos policiais que o magistrado a teria agredido, causando-lhe um ferimento no olho, durante uma discussão na casa do casal, no Setor de Mansões Dom Bosco, no Lago Sul.

O caso está sendo tratado como violência doméstica, injúria e lesão corporal. Elida disse que foi xingada por Admar, com quem convive há mais de dez anos. Segundo ela, o marido chegou a dizer que “você não serve nem pra pano de chão”. 

A mulher acusou o magistrado de ter jogado enxaguante bucal nela. A Polícia Militar foi acionada e a levou à delegacia. Após registrar o BO, a mulher teria requerido Medidas Protetivas.

Informações: Metrópole
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br

Presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Gilmar Mendes passou um susto nesta quinta-feira (22). A aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB) em que ele viajava sofreu uma pane e teve retornar à capital federal.

O avião, que saiu de Brasília por volta das 18h45, seguia para Belém. O pouso ocorreu às 19h45 na Ala 1, em Brasília. Em nota, a FAB informou que a segunça dos passageiros não foi comprometida "em nenhum momento" e que a volta à Brasília foi iniciada tão logo a falha foi detectada. A pane não foi especificada. Gilmar Mendes iria para Belém para visita ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Leia a nota da FAB na íntegra:

O Centro de Comunicação Social da Aeronáutica informa que uma aeronave da Força Aérea Brasileira decolou de Brasília nesta quinta-feira (22/06), às 18h45, e no decorrer do voo apresentou uma falha técnica. Os pilotos realizaram os procedimentos previstos e, por precaução, retornaram à Capital Federal. Em nenhum momento a segurança dos passageiros foi comprometida e o pouso ocorreu às 19h45 na Ala 1, em Brasília.

Informações:TRE/FAB
Via: Noticiaominuto
Post: G. Gomes
Para; www.dljipa.blogspot. com.br

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Random Posts

Os Mais Acessados