15/01/2017

Durante a investigação do avião de pequeno porte que caiu no município de Querência do Norte, no Paraná, neste sábado (14), a Polícia Civil encontrou 324 quilos de pasta base de cocaína no tanque do modelo.
 
Toda aeronave possui um dispositivo que se chama RAP, é como se fosse uma pequena hélice que sai da barriga do avião e começa a funcionar quando há pane seca. Ao verificarmos a aeronave, notamos que esse dispositivo estava exposto, foi acionado. Possivelmente, quem carregou a droga não calculou direito a quantidade de combustível necessária para a viagem, uma vez que o tanque de combustível estava repleto de droga”, disse o delegado Alysson Tinoco.

Logo após a queda, a Polícia já havia encontrado 60 quilos da droga no interior da aeronave. De acordo com o G1, caso a cocaína chegasse a ser comercializada, os criminosos poderiam arrecadar cerca de R$ 9 milhões. O piloto sumiu após o acidente.

"Essa droga não pertence a qualquer quadrilha. Pelas embalagens dos tabletes, a cocaína é de uma organização criminosa muito forte e que tem ampla atuação no Brasil. É inevitável que há um local específico na região de Querência do Norte que é utilizado pelos traficantes para reabastecer”, conta Alysson em entrevista ao jornal.

Neste domingo (15), o avião deve ser retirado do local da queda, uma fazenda de arroz no município, e será transportado ao pátio da Delegacia da Polícia Civil, em Loanda. Parte dos equipamentos do avião foram encaminhados para a Polícia Federal em Maringá.

O avião em questão tem o modelo semelhante a esse do vídeo:
 
Fonte: Noticiasaominuto
Vídeo |Exemplo: YouTube
Post: G. Gomes
Canal: www.deljipa.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Random Posts

Os Mais Acessados