15/06/2017


O advogado de defesa de Lula e o juiz federal Sérgio Moro discutiram mais uma vez nesta quarta-feira (14) durante o depoimento de Luiz Fernando Corrêa, ex-diretor da Polícia Federal, no processo sobre a compra de um terreno pela Odebrecht para construir a nova sede do Instituto Lula.

Moro questionou Zanin, advogado de Lula, sobre a necessidade de refazer as perguntas a Luiz Fernando Corrêa, que já tinha prestado depoimento sobre o ponto discutido. O juiz perguntou ao advogado se haviam novas perguntas ou se estavam ali perdendo tempo.

Zanin rebateu: “Vossa excelência acha sempre que tudo o que a defesa fala é uma perda de tempo.

Moro finalizou: “O juiz não tem tempo para ficar perdendo”, e se desculpou com a testemunha pelo ocorrido.

Outras considerações
Volta e meia os advogados do Lula tentam de todas as formas protelar e atrapalhar os Julgamentos presididos por Sérgio Moro, e tomam na cada todas as vezes.

É como diz a galera: Chupa mais essa Zanin!

Informações: Jornal livre
Autora: Francine Galbier
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Random Posts

Os Mais Acessados