14/07/2017

AP Photo/Judy Fitzpatrick

Uma turista da Nova Zelândia, de 57 anos, morreu atingida pela descarga de ar da turbina de um avião na Ilha de Saint Martin.

O local é muito famoso justamente pelo fato de a praia ser literalmente colada ao aeroporto Princess Juliana, e os visitantes conseguem ver os aviões passando muito baixinho.

A polícia informou que a vítima estava pendurada numa cerca de onde é possível observar pousos e decolagens quando foi arremessada pelo vento causado pela força dos motores da aeronave.

De acordo com diversos relatos da imprensa local, ela teria batido as costas contra um muro de concreto e sofreu ferimentos sérios. A mulher chegou a ser levada para um hospital, mas não resistiu.

Embora autoridades visitem a área com frequência e tenham colocados sinais para alertar o público para não ficar no caminho dos aviões, a prática, extremamente perigosa, é muito comum por turistas do mundo todo que visitam o local.

O diretor de turismo da ilha, Rolando Brison, disse ao jornal “New Zealand Herald” que entrou em contato com a família da mulher morta. “Eles reconhecem que o que ela fazia estava errado em virtude dos sinais de perigo claramente visíveis, e lamentam que o risco terminou da pior maneira possível”.

Informações: Yahoo
Post: G. Gomes
Para: www.deljipa.blogspot.com.br
Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu Comentário, com responsabilidade:

Entre com o Email

Seja o primeiro a saber

Utilidades











Instagram


Top Comentaristas

Os Mais Acessados